Eduarda Guedes

24 de novembro de 2021

Compartilhar

Como ter uma boa gestão logística no e-commerce?

4 min de leitura

A logística é a parte fundamental para qualquer comércio, o mesmo se aplica em uma loja virtual. A logística no e-commerce é importante porque se dedica à organização e crescimento do negócio. 

Apenas a partir de uma gestão logística eficiente, é permitido ao empreendedor ter uma loja estruturada, capaz de cumprir os prazos, capacitando a fidelização do público. Quando você investe em uma logística de entrega para e-commerce, consegue: 

  • Controlar o valor do frete;
  • Controlar o estoque;
  • Ter uma previsão do prazo de entrega;
  • Garantir um bom atendimento ao cliente.

7 dicas para ter uma boa gestão logística no e-commerce            

1. Estruture o fluxo logístico no e-commerce  

Cuidando do processo de armazenagem, expedição e entrega de mercadorias, é possível ter sucesso em uma loja virtual. Com isso você consegue um estudo das tendências atuais do mercado e as vendas realizadas da empresa. 

O resultado dessas informações permite escolher qual o melhor benefício para o fluxo logístico da empresa, como a demanda, os níveis de estoque e o trânsito da mercadoria.  

2. Controle o estoque       

O controle de estoque eficaz, não só beneficia a gestão logística no e-commerce, como colabora na lucratividade do negócio. Para manter o estoque sempre organizado, armazene os produtos de categorias similares próximas uns dos outros. 

Com isso, você consegue verificar visualmente os itens, inclusive os produtos sem giro. Além disso, é possível usar um software para fazer a gestão logística, verificando informações sobre os produtos da sua empresa para auxiliar na tomada de decisões.

3. Escolha um boa transportadora                

Quando você escolhe um transportador, consegue evitar problemas logísticos. Afinal, as transportadoras possuem um serviço mais especializado com maior experiência nas etapas de manuseio e entregas de pedidos. Para escolher, esteja atento às políticas de qualidade, bem como os serviços prestados e as normas entregas de cargas.

4. Monitore os produtos enviados           

Normalmente, o rastreamento de mercadorias é um grande diferencial para as lojas online, já que o monitoramento beneficia não só o comprador quanto o e-commerce. Assim, ambas as partes podem conferir se está tudo correto com a mercadoria que está em transporte.

5. Defina prazos realistas

O prazo de entrega é um dos pilares mais importantes da gestão logística. Portanto, informe datas realistas, esclarecendo se será possível cumprir esse prazo sem problemas. Para evitar atrasos, utilize o Sigep Web, o sistema de aperfeiçoamento de entrega dos Correios integrado a diversos serviços operacionais.

6. Tenha uma logística reversa       

A logística reversa na logística no e-commerce está conectada à troca e devolução de produtos adquiridos na internet. Com esse processo, você gera vantagem competitiva e oferece um atendimento diferenciado.

Além disso, pode atender os problemas dos clientes. Visto que a troca de devolução de mercadoria está prevista em Lei no Código de Defesa do Consumidor, é importante pensar em cada etapa desse procedimento. 

7. Defina uma política de frete inteligente            

Para evitar abandono de carrinho, realize um planejamento de equilíbrio para os consumidores e para seu e-commerce de maneira benéfica e inteligente, evitando prejuízo nos resultados da loja. 

Esse diferencial pode ser oferecido em campanhas sazonais, para membros de um programa de fidelidade, a partir de um determinado valor, taxa anual e frete grátis. 

Com essas informações centralizadas na logística no e-commerce, é possível otimizar os processos, incluindo o estoque e o transporte de mercadorias.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *