Gustavo Perina

26 de fevereiro de 2021

Compartilhar

O que é Link Building e qual sua importância na geração de conteúdo

6 min de leitura

Para garantir mais relevância na internet e melhorar o posicionamento de uma loja virtual ou blog nos mecanismos de busca, como o Google, é preciso acompanhar as tendências do mercado e investir em estratégias eficientes de Search Engine Optimization (SEO). Entre as principais técnicas dessa ferramenta de Marketing Digital está o Link Building, o qual visa encontrar e criar bons links externos e internos para os conteúdos.

O recurso, que muitas vezes pode parecer complexo para os empreendedores ou uma iniciativa apenas de grandes empresas, como algo que possa penalizar a marca no Google, na realidade pode ser usado com eficácia por qualquer loja virtual que pretenda atrair e conquistar potenciais clientes.

Em contrapartida, deixar de utilizar o Link Building é sinônimo de perda de oportunidades, já os e-commerces perdem a chance de alcançarem uma boa parte do seu público-alvo, o qual acaba indo para a concorrência.

Isso certamente é o contrário do que você espera, não é mesmo? Nesse caso, acompanhe o nosso post e saiba tudo o que precisa saber sobre a estratégia!

O que é o Link Building?

O Link Building é um conjunto de técnicas SEO com o objetivo de construir uma rede de links para uma página, que direcionem o tráfego, aumentem o posicionamento orgânico e fortaleçam a sua autoridade nos buscadores da internet.

Se você tem dúvidas sobre a relevância da ferramenta, é importante que compreenda os motivos básicos para implementá-la. Para começar, os links buildings possuem um papel crucial para que os mecanismos de busca encontrem uma página da internet e determinem a sua relevância a partir da quantidade e qualidade dos links recebidos.

Nesse ponto, é importante frisar que o Google, maior buscador do mundo, considera esse como um fator de classificação de autoridade.

Qual a importância da ferramenta para o SEO?

O Link Building é um dos recursos mais importantes de SEO pois, como citamos, é um dos principais critérios para os mecanismos de busca posicionarem bem um site.

Por sua vez, um melhor posicionamento nos buscadores gera mais tráfego, o que na prática significa visitantes qualificados para a loja virtual ou blog, os quais podem se tornar leads e clientes. Ou seja, a marca passa a ter melhores resultados em conversões e vendas.

Entretanto, é imprescindível ressaltar que para uma estratégia de Link Building dar certo é preciso que seja feita de forma criteriosa, já que do contrário pode afetar negativamente a otimização para os motores de busca.

Nesse sentido, é essencial que o foco do Marketing Digital seja em criar links naturais de sites com boa reputação, bem como realizar ações contínuas, pois isso também impacta na visibilidade junto ao Google.

Portanto, uma construção de links bem estruturada, a qual pode ser feita de diversas formas, é fundamental para qualquer estratégia de SEO bem sucedida.

Como o Google avalia os links?

O algoritmo do Google utiliza inúmeros critérios para classificar um site no ranking. Os robôs analisam uma infinidade de páginas e definem, a partir disso, qual será o posicionamento de cada uma delas. Veja agora alguns dos principais aspectos considerados:

Quantidade de links: 

Primeiro fator adotado pelo mecanismo de busca, o qual já foi considerado a base do Pagerank. Porém, apesar de continuar sendo um elemento importante, atualmente é preciso que seja acompanhado de relevância e confiabilidade;

Diversidade de links:

Outro critério importante é a diversidade de domínios onde os links aparecem, ou seja, quanto maior o número, melhor;

Contexto:

Os algoritmos conseguem compreender o contexto em torno do link para analisarem se o mesmo é relevante. Na prática, o Google entende que links relacionados ao mesmo segmento têm maior valor, pois fazem mais sentido para os usuários em questão. Além disso, a posição do link também conta. Nesse caso, se está no meio do conteúdo tem mais valor, pois subtende-se que inserido com um propósito editorial;

Texto-âncora:

O texto clicável do link é um dos principais fatores de consideração do mecanismo de busca. Isso porque normalmente trazem uma pequena descrição do que os usuários irão encontrar ao clicarem;

Links de outras páginas para o site: 

Por se tratarem de inserções de links em páginas aleatórias, o Google considera os mesmos confiáveis;

Links internos: 

Apesar de não terem a mesma relevância em relação ao rankeamento quando comparados ao links externos, os links internos ajudam a mostrar a hierarquia das páginas de um site ou blog para o Google;

Links de outros sites para a própria página: 

O buscador também leva em conta os links externos que são inseridos em um site, principalmente se os mesmos quando relevantes e confiáveis.

Esses são alguns dos fatores para se atentar no momento de criar uma estratégia de Link Building. Essa, como mostramos, precisa ser bem estruturada para ser realmente assertiva.

Principais técnicas para serem utilizadas

Além dos critérios listados, os quais são imprescindíveis para qualquer ação de SEO que vise adquirir bons links, algumas técnicas têm um impacto positivo dentro das campanhas, as quais você confere a seguir:

Guest Post

Os Guest Posts, que em tradução livre significa “posts convidados”, consistem em conteúdos relevantes criados para serem postados em blogs de parceiros, os quais, em troca, permitem que você insira um ou mais links para suas páginas.

Conteúdos e posts para blogs

Uma das principais formas de se trabalhar com Link Building é a partir da produção de conteúdos e posts para blogs. No entanto, para que essa estratégia funcione, além do link ter qualidade, o conteúdo para internet também precisa ter.

Em linhas gerais, devem trazer dados, serem atuais, oferecer informações consistentes, entre outros aspectos que agregam valor para o público.

Parceiros comerciais

Para iniciar uma estratégia de links, um e-commerce pode procurar seus contatos comerciais, com os quais já se tem alguma ligação ou relacionamento. Na prática, isso significa fazer uma listagem e posterior prospecção de sites que seriam relevantes e menos resistentes a inserirem links da sua loja virtual ou blog.

Ferramentas de Link Building

Para ajudar as empresas a criarem uma estratégia bem estruturada e eficiente, o mercado oferece diversas ferramentas de Link Building, as quais são utilizadas para diferentes propósitos. Veja abaixo algumas delas:

  • Google Search Console;
  • Google Analytics;
  • Ahrefs;

Apesar de serem excelentes recursos para as ações de SEO de uma loja virtual, é importante frisar que, mais do que contar com sistemas tecnológicos, os resultados das técnicas de Link Building dependem diretamente de links de qualidade, o que as ferramentas por si só não garantem.

Nosso conteúdo foi útil para você? Ficou com alguma dúvida sobre o assunto? Comente aqui!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *