Marketing / Vendas / Gestão

Dicas para atuar com frete grátis em sua loja virtual

Frete grátis. Esse é um dos principais diferenciais oferecidos pelo e-commerce, que muitas vezes atua como um fator decisório na […]

Dicas para atuar com frete grátis em sua loja virtual

Frete grátis. Esse é um dos principais diferenciais oferecidos pelo e-commerce, que muitas vezes atua como um fator decisório na hora da compra. Para se ter ideia, segundo uma pesquisa da empresa Moosend, em todo o mundo, 60% dos consumidores apontam o custo da entrega como a maior causa de abandono de carrinho nas lojas virtuais. Em contrapartida, um estudo da consultoria ComScore aponta que 58% deles compram itens a mais só para ter direito a esse benefício.

Por aí você já pode imaginar a importância de criar estratégias de entrega gratuita em seu e-commerce, não é mesmo? Além disso, muito provavelmente já sabe que essa é uma tarefa um tanto desafiadora, pois, se o cliente não arca com o custo, é preciso que a empresa o absorva e ainda lucre com isso.

A boa notícia é que é possível colocar o objetivo em prática com eficiência e assertividade por meio de algumas análises e ações. Saiba quais são elas no post!

Modelos de frete grátis

As lojas que querem oferecer frete grátis e, com isso, aumentar as taxas de conversão e ticket médio, podem optar por diferentes modelos, os quais vão de encontro à absorção das despesas, que costumam ser uma das maiores do comércio eletrônico, bem como a uma margem de lucro aceitável. Veja alguns deles a seguir:

Frete grátis em toda a loja

Quando um potencial cliente se depara com uma loja virtual que oferece frete grátis em todos os produtos, certamente sente-se mais atraído a comprar. Justamente por esse motivo, a estratégia de entregas gratuitas tem como principal propósito a conversão, ou seja, as vendas, mesmo que os lucros sejam um pouco menores.

No entanto, antes de implementá-la, é preciso fazer uma análise minuciosa sobre as reais possibilidades, de modo com que essa despesa não cause mais prejuízos do que resultados. Isso envolve listar todos os custos que serão incluídos e o quanto o e-commerce terá que vender para supri-los e gerar uma receita válida.

Produtos específicos

Uma ação que pode ter um custo-benefício interessante para quem tem um e-commerce e quer oferecer frete grátis é a da restrição para determinados produtos. Isso quer dizer que somente algumas categorias ou itens selecionados oferecem entregas gratuitas. A vantagem, nesse caso, é que é possível destacar aqueles com maior margem, o que, por sua vez, traz menos riscos de prejuízos ao negócio.

Opção gratuita, porém com prazo mais longo de entrega

Outra forma de oferecer frete grátis, mas nem tanto, é disponibilizar essa opção, ao mesmo tempo em que se oferece alternativas pagas com entrega mais rápida. Esse é o caso da gigante do e-commerce, Amazon, que inclusive é líder na oferta de envio sem custo.

O serviço Amazon Prime, por exemplo, oferece aos membros uma entrega gratuita em até 2 dias, mas também utiliza o senso de urgência para conceder a possibilidade de arcar com o frete e receber a entrega já no dia seguinte à compra. É possível se inspirar na estratégia de uma das maiores lojas virtuais em todo o mundo e, assim, aumentar as vendas e a lucratividade.

A partir de um valor mínimo de compra

Uma estratégia comum, já que pode trazer bons resultados, é o frete grátis a partir da compra de um valor mínimo. Isso incentiva os clientes a optarem pelo e-commerce e, ainda, contribui com o aumento do ticket médio, já que é comum que esses adicione produtos extras ao carrinho só para poder utilizar o benefício.

Para encontrar o valor ideal, uma boa prática é calcular a média de quanto é necessário vender por compra e, assim, oferecer a gratuidade no envio a partir do resultado, ou um pouco acima dele, de modo com que ambos os lados fiquem satisfeitos. 

Como implementar a estratégia de frete grátis 

estratégia de frete grátis

Agora que você já sabe a importância de oferecer frete grátis e conhece alguns modelos utilizados pelos concorrentes, chegou a hora de listarmos dicas valiosas para colocar o plano na prática. Confira:

Entenda as margens

Para que a definição sobre o valor ou gratuidade do frete seja assertiva, o primeiro passo é entender as margens do negócio. Isso significa compreender se é possível que a loja absorva o custo e mesmo assim, tenha lucro, e quais os produtos podem ser incluídos na estratégia. Itens mais caros e de alto valor agregado conseguem incorporar mais facilmente a despesa de envio em seu próprio preço, o que é o contrário dos mais baratos.

Conhecer todos os detalhes do produto

O valor do frete de cada produto é calculado a partir de suas dimensões, peso e outros detalhes que devem ser conhecidos pelo empreendedor. Sejam entregas feitas pelos Correios, transportadora ou outros meios, é preciso listar todos os gastos com o envio para avaliar se é viável trabalhar com a estratégia de frete grátis.  Nesse aspecto, uma dica para economizar é repensar a embalagem dos produtos e encontrar opções que agradem aos clientes, ao mesmo tempo em que sejam econômicas.

Analisar o ticket médio

Citamos que o frete grátis a partir de valores específicos é uma das estratégias mais utilizadas pelos e-commerces. Uma dica para implementá-la é analisar o ticket médio atual dos consumidores e trabalhar em cima dos resultados para elevá-lo. Por exemplo, se os clientes gastam em média R$100,00 por compra, é possível passar a oferecer a opção naquelas acima de R$120,00. Fazendo isso, provavelmente a taxa aumente e, junto a ela, as vendas e os lucros.

Conhecer a localização dos clientes

A definição do valor para o frete também deve levar em conta a localização dos consumidores, pois isso se reflete diretamente nos custos. Para saber as regiões que o e-commerce mais atende, é importante fazer um mapeamento sobre o maior volume de compras. Nesse aspecto, é preciso também considerar a logística reversa. 

O resultado dessas análises ajudam a descobrir o valor médio para as entregas nos locais e definir se compensa reduzir os valores ou implementar o frete grátis.

Incluir a estratégia em sua loja virtual pode fazer os resultados se elevaram significativamente a curto e médio prazos. Entretanto, como mostramos, é imprescindível levar determinados fatores em conta antes de escolher o modelo mais adequado para o negócio.

Gostou do conteúdo? Então compartilhe agora mesmo em suas redes sociais!

Tags:, , ,

0 Comentários

Deixe o seu comentário!

Chegou sua hora de crescer sem limites

Avalie por 10 dias grátis.

Crie sua loja