Tecnologia

Site rápido vende mais. Como melhorar a sua velocidade?

Os usuários estão sempre com pressa, desejam encontrar rapidamente aquilo que procuram e fechar a compra em poucos cliques. Gastar […]

Site rápido vende mais. Como melhorar a sua velocidade?

Os usuários estão sempre com pressa, desejam encontrar rapidamente aquilo que procuram e fechar a compra em poucos cliques. Gastar tempo esperando as páginas carregarem, definitivamente não faz parte de uma boa experiência de compra.

A velocidade da sua loja online pode afetar suas vendas e, neste artigo vamos pontuar questões importantes para te ajudar a otimizar a performance da sua loja virtual.

Impacto nas vendas

A velocidade de carregamento de um site, impacta diretamente na experiência de compra do usuário. Estudos da Akamai mostram que o atraso de apenas um segundo no carregamento de uma página, pode diminuir a conversão de vendas em 20,5% no mobile e 21,8% pelo computador.

Além disso, a lentidão pode gerar distrações, fazendo com que o usuário se disperse e não efetue a compra. Não oferecer velocidade significa, portanto, perder uma venda em potencial. Quando você entrega ao usuário uma experiência de navegação veloz e objetiva, as chances de consideração sobre a compra diminuem muito e, consequentemente sua taxa de conversão de venda aumenta.

carrinho-ecommercer-webstore-loja-virtual

Maior visibilidade

Se seu site demora para ser carregado, acredite, o Google e os usuários não gostam.

O Google automaticamente tende a posicionar os melhores sites com maior velocidade de carregamento, porque considera que sites mais rápidos deixam os usuários mais contentes e satisfeitos com os resultados de suas pesquisas. E estar bem posicionado no Google, dá maior visibilidade para seu negócio. 

loja-virtual-plataforma-ecommerce

E você pode estar se perguntando, “como aumentar a velocidade da minha loja online?”

Aqui vão algumas dicas:

1.Otimize as imagens

Muitas vezes utilizamos imagens de fornecedores, ou ate diretamente baixadas na internet em nosso ecommerce sem se atentar ao tamanho dessa imagem, o que pode ocasionar em uma lentidão e uma menor performance da sua loja virtual.

Não existe um limite máximo, mas nosso conselho é que as imagens tenham no máximo entre 200 e 300kb de tamanho, mas dependendo dos pixels. Uma das saídas para imagens maiores é utilizar um compressor de imagens, buscando no Google você achará diversos, como o CompressJpeg.

2.Tamanho da página

Todos os plugins, extensões e scripts externos, utilizam espaço em seu site. 

Atenção com os elementos da página, em especial com arquivos Java Script, CSS e imagens. Evite incorporar grandes objetos ou imagens em uma página e assim, você diminui o kb (unidade de medida).

Para verificar o tamanho do seu site, salve a página no computador como uma pasta de arquivo de web, a partir do browser, e veja o tamanho da pasta.

Verifique a estrutura do seu site e deixe ativo aquilo que é realmente relevante.

3.Utilize um CDN

Utilizando um CDN, o desempenho do site é melhorado, pois a conexão ocorrerá por um servidor geograficamente mais perto do visitante. 

Ele possibilita a distribuição do conteúdo por meio de armazenamento em cache, em diversos servidores. Essencial, principalmente, para quem tem clientes em todo o mundo.

Os serviços de CDN mais usados são: CloudFlare e Sitelock CDN.

4.Escolha uma hospedagem de confiança

Contratar uma hospedagem de sites é o passo mais importante na hora de colocar um site no ar, pois é o local onde ficam armazenados todos os arquivos do seu site.

5.Escolha servidores rápidos para a hospedagem

Priorize um fornecedor para hospedar o seu site que combine servidores, tecnologia, seja rápido e, consequentemente, atenda às necessidades de tráfego do seu e-commerce.

6.Evite redirecionamentos

Cada direcionamento incluído no site é como um pedido separado para o servidor, o que aumenta o tempo de carregamento da página. Portanto, para ter mais velocidade em sua loja virtual, evite redirecionamento em excesso.

7.Acompanhe a performance do site

Por meio de uma ferramenta de análise, como o Google Analytics, acompanhe o passo a passo do cliente e verifique os possíveis erros da página.

Aproveite também para acompanhar a velocidade do seu e-commerce e melhorar, se necessário. Entre as ferramentas possíveis para isso, estão Pingdom, YSlow do Yahoo, e Insights PageSpeed do Google.

8.Realize testes

Testar precisa fazer parte da sua rotina. Além de todas essas dicas para melhorar a velocidade do site, há também diversas ferramentas que você pode utilizar para fazer um teste de performance.

loja-virtual-ecommerce-webstore

Ressaltamos que a velocidade da sua loja online afeta suas vendas, pois a maioria das compras online são feitas por impulso. Atrair o cliente para seu site é um desafio, e quando o cliente chega, é importante aproveitar este momento para aumentar as conversões em vendas e, fica mais difícil fazer isso tendo um site lento.

0 Comentários

Deixe o seu comentário!

Chegou sua hora de crescer sem limites

Avalie por 10 dias grátis.

Crie sua loja